VISITE O MEU OUTRO BLOGUE: http://avernavios-fotos.blogs.sapo.pt
Segunda-feira, 23 de Junho de 2008

NÃO POSSO ACREDITAR, QUE ISTO NÃO VAI MUDAR

Tenho para mim, que não vou morrer sem ver isto dar uma volta das grandes.

Falo desta vez, do que se me depara em termos profissionais, tanto de dentro, como de fora da empresa.

Vejo, como nunca tinha visto, uma tremenda falta de dignidade. A vontade de chegar mais "alto", ou realizar mais dinheiro é tão grande, que tudo serve.

Comportamentos impensáveis há alguns anos, são agora absolutamente normais. 

Por outro lado, o medo de perder o emprego é tão grande, que, embora questionados, os acessores não têm coragem para contrariar os patrões, preferindo dar pareceres absolutamente erráticos, mas que vão ao encontro da vontade dos senhores.

Para mim, isto é absoluta falta de profissionalismo e consequentemente não encaixa na minha maneira de ser.

Verdade é, que daí já tenho recebido alguns dissabores, mas paciência...

Terá de haver consciência que, em absoluto, este não é o melhor caminho para as empresas portuguesas.

Haja quem dê um berro e ponha as coisas no lugar. Caso contrário, o futuro não será nada risonho.

Palavra de honra!

 

 

 

sinto-me: nem digo
publicado por A VER NAVIOS às 18:02
link do post | Gostava que comentassem | favorito
5 comentários:
De Júlia a 23 de Junho de 2008 às 18:22
É, de facto, preocupante o que diz da sua experiência. Desde há muito que temo as consequências da falta de profissionalismo dos gestores, sobretudo nestes tempos de crise. Na minha modesta opinião, só podem agravá-la ainda mais.
Relacionando isto com o conteúdo do seu post anterior, quando é que a realidade entra pela mente das pessoas e vivem consoante as suas possibilidades?
Cumprimentos
De A VER NAVIOS a 23 de Junho de 2008 às 19:41
Obrigado pela sua visita.
Pode crer que está complicado.
Vamos andando o vamos vendo. Enfim...
Boa semana,
J. Lopes
De daplanicie a 25 de Junho de 2008 às 08:57
O importante é agirmos sempre de forma a, quando deitamos a cabeça na almofada, conseguirmos dormir em paz. Baixar a cabeça e dizer que sim a tudo nunca foi do meu feitio e por isso já tenho tido aborrecimentos, mas ainda assim prefiro ser como sou do que uma lambe-botas! Também eu aguardo a necessária "revolução".
Cumprimentos
De Tretoso_Mor a 25 de Junho de 2008 às 10:54
Caríssimos,

Em primeiro lugar saber que existem blogs interessantes como o seu, que me levam a consultá-los diariamente.

Pela primeira vez irei comentar um texto, pois, se me permite, parece-me relevante corrigir uma afirmação peremptória aqui escrita e complementar as ideias apresentadas com algumas “verdades” omitidas.

Gostaria de corrigir a afirmação sobre a falta de profissionalismo dos gestores, relevando a falta de ética, de bom senso e de humanismo por parte de muitos gestores.

No contexto político, económico e social em que mergulhámos, os nossos dirigentes, fundamentalmente políticos, direccionaram as práticas da gestão, para a prossecução dos objectivos financeiros das organizações, independentemente dos meios utilizados.

O maior problema reside no facto de esses objectivos se encontrarem centrados no curto prazo, e não no longo prazo, para poderem garantir que quem gere, possa apresentar aos Shareholders e stakeholders resultados imediatos.

Claro está que este facto, leva que muitas decisões sejam questionáveis, quer pela repercussão social normalmente verificada, quer pela repercussão económica, muitas vezes não contabilizada. Questiono seriamente estas decisões não só pelos prejuízos causados na nossa economia, mas também pela instabilidade social causada.

Complica-se esta TRETA, quando verificamos que o estado segue o mesmo exemplo, com a agravante de muitas vezes ter “gestores” incapazes, ocupando lugares apenas pelo desempenho de um “tacho”, sem competências comprovadas, tomando decisões questionáveis em todas as vertentes, particularmente na económica e na social.

Realmente, os meios não justificam os fins, mas infelizmente o mau exemplo está a ser dado pela classe política, através do fomento de notícias e de situações, que levam ao empolamento da falta de humanismo e de desresponsabilização social.

Mas atenção!...
Nem todos os gestores embarcam nessas TRETAS.

Cumprimentos.

Tretoso Mor

De A VER NAVIOS a 25 de Junho de 2008 às 11:51
Meu caro amigo,
Em primeiro lugar o meu muito obrigado pelas suas visitas e pelo seu comentário, que li com muita atenção.
Por favor, longe de mim a ideia de generalizar. Felizmente há boas e honrosas excepções em que, permita-me, também me incluo, embora como dimo no post, isso já me tenha custado alguns dissabores.
Já agora, muito gostaria de receber mais comentários como o seu, pois seriam dignificadores duma função e duma classe que, muitas dificuldades sente.
Cumprimentos,
J. Lopes

Comentar post

mais sobre mim

pesquisar

 

Setembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30

posts recentes

O SISTEMA POLÍTICO, O REG...

PROIBIÇÕES

ARRE PORRA QUE É DEMAIS

PROTESTO A SÃO PEDRO

JUÍZES E JUSTIÇAS

NOVO ANO - 2011

A CRISE E AS PRESIDENCIAI...

OUTROS TEMPOS? OU ACTUALI...

É COMPLICADO DE ENTENDER:

SER SOLIDÁRIO?? - Uffaaah...

ISTO NÃO VAI PARA MELHOR

O AUMENTO DO DEFICIT

O BENFICA, A LIGA E OS SE...

ATENTADOS À NOSSA ECONOMI...

EU ESTOU LIXADO COM ISTO....

TUDO COMO DANTES....

UFFFFHHH....

ESPANHA 1 - QUEIRÓS 0

FACEBOOK - A SOLUÇÃO PARA...

MAS AS CRIANÇAS SENHOR......

arquivos

tags

todas as tags

as minhas fotos

subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub